30 de março de 2010

Alexandre Herculano

No passado dia 28 de Março, passaram 200 anos do nascimento de um dos maiores vultos da cultura Portuguesa, Alexandre Herculano.
Notabilizou-se sobretudo no romance histórico, mas também deixou obra no campo da poesia e ainda na história, tendo sido ele quem, em 1846, publicou a 1ª História de Portugal com base nos princípios da historiografia científica. De salientar ainda a sua extensa obra em formato de Opúsculos que constituem património impar na cultura Portuguesa do género.

Triste o País que deixa passar totalmente em branco esta data e não respeita a memória da sua própria cultura. Não tomei conhecimento de alguma iniciativa governativa que celebrasse o nascimento de Alexandre Herculano, e muito menos vi, li, ou ouvi, qualquer referência à mesma nos diversos meios de comunicação social.

Em sua memória aqui deixo uma citação por ele proferida, que se me apresenta perigosamente actual :

"Há épocas de tal corrupção, que, durante elas, talvez só o excesso do fanatismo possa, no meio da imoralidade triunfante, servir de escudo à nobreza e à dignidade das almas rijamente temperadas".

Parabéns Herculano.

5 comentários:

  1. Como é que o Herculano sabia dos submarinos? :)))

    ResponderEliminar
  2. .
    Parabéns também para si, Eduardo, por se ter lembrado de Alexandre Herculano e de assinalar a efeméride.

    Um abraço.

    ResponderEliminar
  3. FP, dos submarinos de certeza que não saberia, a menos que tenha sido vidente.
    Mas olha que o Alexandre Herculano teve forte ligação à Marinha Portuguesa, pois foi lá, na Academia da Marinha Real, que estudou Matemática e mais tarde fez parte do grupo que ficou conhecido como "Bravos do Mindelo", que aí desembarcaram para tomar de assalto a cidade do Porto.

    ResponderEliminar
  4. Tens toda a razão. Muito bem lembrado.

    ResponderEliminar
  5. Eu lá disso da presença dele na Marinha também sabia, mas é melhor não trazeres isso à tona que, com um bocado de jeito, os que se locupletaram com os carcanhóis ainda dizem que a culpa foi do Herculano! :))

    ResponderEliminar