21 de maio de 2010

Sufoco.

Drama, trama, sacana
Mundo cruel este de agora
Onde se safa aquele que engana
E se matam valores de outrora

Mente, rouba, difama
Assim age aquele que vence
Já só odeia, nem ama
Que o coração já não lhe pertence

Morte, tragédia, sufoco
Vida de nervos, sem calma
Intragável mundo louco
Que me arrasa a triste alma

7 comentários:

  1. Olá Eduardo
    Bom poema, e. infelizmente, com muita verdade!
    Bom fim de semana.

    ResponderEliminar
  2. Não conhecia esta tua faceta. O poema esta sem duvida alguma bem conseguido. É sem duvida o espelho da actualidade. Gosto especialmente da parte " Onde se safa aquele que engana, E se matam valores de outrora " . Não podias ter conseguido melhor! (ou podias :P )

    ResponderEliminar
  3. Conheci-te faz quase um ano, na blogosfera, pelos teu versos... tive que te dizer o quanto deles gostava e a partir daí tornámo-nos amigos... Há sempre algo de bom, no meio de tantas verdades más, como as que escreveste. Mas, foi pelos teus versos, qua a amizade germinou. :)
    Um grande abraço para ti e um bom fim de semana.

    ResponderEliminar
  4. De quando em vez trazes-nos estas agradáveis surpresas.
    obrigado e bom fim-de-semana,

    ResponderEliminar
  5. Benjamina, Pedro, Fada e Paulo, obrigado a todos pelas palavras carinhosas.
    Tenho momentos em que me sabe muito bem deixar sair estas palavras cá de dentro.

    Um bom fds para vocês todos.

    ResponderEliminar
  6. Que agradável surpresa!
    Que menino lindo, este meu antigo aluno que tão bem escreve, tanto prosa quanto poesia! Parabéns!
    Também eu fico deliciada e plenamente satisfeita quando venho até aqui e leio textos de reflexão, de crítica social e politica, entre outros, mas todos eles sempre carregados de sentido, de "verve" como diria o Eça.
    Parabéns por estar atento na vida e pela vida!

    Jinhos grandes (perdoe-me o paradoxo!)

    ResponderEliminar
  7. Querida Professora, quem fica todo satisfeito sou eu, quando leio um comentário como o seu.
    Obrigado.
    Eu ... verve ... ganhei o dia ! eheheh

    Um beijinho muito carinhoso para si.

    ResponderEliminar